quarta-feira, 10 de setembro de 2008

"90210": UM TIRO CERTEIRO QUE ACERTA EM DOIS ALVOS



Acabei de ver nesta madrugada os dois episódios iniciais de "90210", o novo spin-off de "Barrados no Baile"/"Beverly Hills 90210". E fico feliz em poder escrever que não me decepcionei com o que assisti. Quer dizer, a parte da não-decepção deixo apenas para um dos dois aspectos da trama, pois no outro falo de satisfação mesmo...

Começo com a não-decepção - ou seja, o pedaço de "90210" que não me deixou encantado mas também não me frustrou: a trama teen. Qualquer um escolado em séries adolescentes e em filmes da Sessão da Tarde pode deduzir com precisão a historinha da molecada de "90210": atletas de colégio, fofocaria comendo solta nos corredores - ok, agora temos blogs, mensagens de celular etc. -, discriminação de novatos, namoros acabando, festas de bacanas, climinha de pegação yada-yada-yada. Nisso aí a série joga o feijão com arroz - e seriado teen, se fizer o básico, agrada seu público-alvo, ao qual já não pertenço há um bom tempo. Mas beleza.





Já o tal outro aspecto só faz sentido para os que viram "Barrados no Baile" e diz respeito ao fator spin-off - ou seja, às pontes entre a série nova e sua "matriz", presente sobretudo nos retornos de Brenda Walsh e Kelly Taylor. E querem saber? Os roteiristas fizeram muito bem o dever de casa, indo além do marketing de apenas usar a fama do velho seriado a seu favor.

Até agora está tudo certinho e à altura de "Barrados no Baile". A vinheta de introdução - presente no primeiro episódio e, espero, em outros - funciona, a recriação da West Beverly High está ótima... O Peach Pit repaginado também vai bem, com o simpático Nat ainda no comando. E a brincadeira de procurar referências não tão claras a "Barrados", para mim, encontrou seu auge na presença de Hannah, a filha de Andrea Zuckerman e Jesse Vasquez, apresentando um segmento do telejornal da escola... e sendo sacaneada por seu visual breguinha. Bobeirinhas deliciosas, daquelas que provocam sorrisos nos que viam a série original. Tomara que sejam uma constante usada na hora certa.





Mas a grande badalação em torno da série atendia mesmo pelos nomes de Brenda Walsh e Kelly Taylor. E as duas foram muito bem encaixadas, com Kelly tornando-se orientadora educacional e Brenda uma diretora teatral. Na verdade, a gêmea de Brandon teve apenas uma participação sutil em comparação com a de Kelly, cuja história pós-"Barrados" me convenceu muito: mãe do filho de Brandon e com Erin Silver, a irmã em comum com David Silver estudando na escola e sendo a melhor amiga de Annie, a nova Brenda. Agora é só esperar e torcer para que venham Brandon, Dylan, Steve, Andrea... Se "90210" der certo, nem tem erro: mais cedo ou mais tarde todo mundo vai aparecer. Podem anotar!

A julgar por esses dois episódios iniciais, a mitologia - palavra amada pelos roteiristas e fãs de séries - de "Barrados no Baile" está muito bem respeitada por "90210". Melhor dizendo: a história da turma de Brandon, Brenda, Dylan, Kelly, Donna e Steve de fato está de volta, pegando uma ótima carona na de Annie, Dixon, Navid, Ethan, Naomi e Silver. Aposto que, se continuar assim, "90210" não só vai prender o público adulto como vai fazer muitos adolescentes por aí correrem atrás de "Barrados no Baile". Dois públicos para duas histórias unidas em uma só série que chegou cumprindo o que prometia.

5 comentários:

Bruno Carvalho disse...

Carlão, falou e disse! 90210 2x03 conseguiu manter a série como uma boa opção neste fall season. Esse 3º episódio que acabou de passar na TV americana é ainda melhor que os 2 primeiros!

Leandro [ZEUS] Mendonça disse...

Fala rapá!

vou assisitir hoje o primeiro....quem sabe né...seriado "adolescentes" naum me aatraem mto... a naum ser q tenha vampiros e nerds...rs.....

mas eh isso ae

abção cara

Carlos Alexandre Monteiro disse...

Bruno, vou vê-lo hoje!
E Leandro, dê então uma chance a Tru Blood...

abraços!

tom disse...

Fala C.A! blz?
Cara, bacana esse lance de comentar as series! Sempre leio o blog da croitor, mas axo muito bacana ler os seus posts! Ainda nao vi 90210, mas a respeito de Prison Break concordo com vc em genero, numero e grau...
Vlw

Ramon Mineiro disse...

Assistia Barrados no Baile quando passava na globo!
Mas sempre mudava pro Pica-Pau!

Vão fazer um remake de Anos Incríveis também... falo disso no meu blog, dá uma olhada lá!
Abraço CA!

Related Posts with Thumbnails