sábado, 29 de agosto de 2009

"WHERE THE WILD THINGS ARE": A FONTE DA JUVENTUDE DE SPIKE JONZE

Um dos motivos pelos quais pus a música de Karen O no podcast - além de achá-la bem legal, claro - é o fato de ter sido feita para a trilha sonora de um filme que pode conquistar meu prêmio imaginário de melhor do ano: "Where The Wild Things Are" (Título em português: "Onde Vivem os Monstros"), novidade do Midas que se chama Spike Jonze.

Motivos não faltam para gostar do filme. Um eu já citei, chamado "Spike Jonze"; o outro é a história, adaptada do livro homônimo de Maurice Sendak, sobre um menino que inventa um reino só seu; a terceira é a de que ele parece ter se inspirado em filmes como "A História Sem Fim" e "Labirinto" para contá-la.

A quarta consegue ser mais poderosa. Assistam e não tentem evitar o sorriso do rosto:





Toda vez que eu começo a ver esse trailer, saio imediatamente dos 33 anos, indo parar nos 9,10, e voltando às três décadas somente nos créditos. Mal vejo a hora para experimentar isso em versão longametragem, diante de uma tela imensa. Já tem dia e data para isso acontecer, mas vai demorar: 1º de janeiro de 2010.

2 comentários:

Leandro Ribeiro disse...

Este trailer me fez lembrar de outro filme, "O Labririnto de Fauno", que ganhou o Oscar de melhor filme estrangeiro, e também retrata a criação de um mundo imaginário por uma criança para fugir dos horrores da reliadade a que vive. Espero conferir "Where The Wild Things Are" também.

Kaká disse...

Adoro o livro, tem umas ilustrações lindas e pelo trailer parece que os monstros saltaram do papel. Aguardo ansiosamente! :) A trilha sonora é muito boa. :)

Related Posts with Thumbnails