quarta-feira, 29 de outubro de 2008

DIA NACIONAL DO LIVRO

Semana de grandes comemorações para quem ama datas. Ontem foi o Dia do Flamenguista - sim, está no calendário oficial do município do Rio -, mas como todo bom rubro-negro sei que, na verdade, esse dia acontece 364 vezes por ano...

Paixão clubística à parte, hoje o feriado homenageia o livro. E sou mais um dos que ficam indignados a ver a falta de estímulo à leitura - algo que me irrita tanto quanto aqueles de discurso retrógrado de que videogame, computador, TV etc. desestimulam o hábito de ler. Besteirada, e eu mesmo sou prova disso. Se te põem livros ao seu alcance desde a infância, você vai acabar lendo. E quem diz que não gosta de ler também está falando besteira. Pra mim, não é que você não goste: é que ainda não achou o tipo de leitura que te agrada. E penso exatamente do mesmo jeito com música, cinema e séries de TV.

Desde moleque eu leio. Livros, quadrinhos, bulas, composições químicas de comida encaixotada e enlatada. E pra comemorar o Dia Nacional do Livro, levanto a bola entre os leitores do Rodando: o que vocês andam lendo de interessante?

O meu livro do momento - quer dizer, o "principal", já que sempre leio mais de um ao mesmo tempo - é um achado. Outro dia fui à Livraria da Travessa daqui do Barrashopping e decidi que sairia de lá com um livro, confiando inicialmente no meu instinto e na sugestão de um professor da faculdade para fazer minha escolha. Uma vez esse tal professor disse que tinha um carinho especial pelos títulos das obras, pois muitas vezes antecipam o bom gosto do escritor, dando assim uma boa dica sobre o que esperar da história que batiza. Resolvi ir na dele - de vez em quando faço isso - e, novamente, me dei bem.

O escolhido foi "Extremamente Alto & Incrivelmente Perto", de Jonathan Safran Foer. A obra conta a história de Oskar, um menino de Nova York extremamente inteligente que acaba de perder o pai, ao qual era muito ligado. Uma das brincadeiras favoritas dos dois era a de explorar o Central Park, procurando mistérios imaginários. E um belo dia, Oskar encontra no closet do pai uma chave e uma única pista sobre sua fechadura: no verso do envelope em que se encontrava, a palavra "black" ("negro"). E lá se vai o menino em sua nova odisséia - desta vez, sozinho.

Ainda estou no comecinho, mas já estou encantado pelo garoto. Irrequieto, imaginativo, inquisitivo, curioso ao extremo. Ele gosta de percussão, cosmologia, é apaixonado pela França, faz invenções e colecões de selos e moedas raras... e é solitário, algo melancólico e de uma inteligência assustadora, ainda que infantil. A narrativa de Foer é bem verossímil, fugindo de um sentimentalismo fácil e criando muito bem o imenso universo de um garoto esperto demais.

Agora, reforço a pergunta: qual(is) o(s) livro(s) que anda(m) frequentando as cabeceiras de vocês?

8 comentários:

Matheus Rufino disse...

Ultimamente, quando os trabalhos e os livros da faculdade dão uma folga, estou lendo "Hitchcock/Truffaut: Entrevistas", excelente livro com a transcrição de uma longa rodada de entrevistas feitas por François Truffaut com Alfred Hitchcock. Muito bom, Hitchcock fala de tudo sobre a carreira dele, desde o ínicio, pra quem é fã de cinema e principalmente de Hitchcock, é imperdível.

Kaká disse...

CA esse livro do Jonathan Safran Foer é muito bom! Eu comprei em inglês numa viagem que fiz, já tinha lido Tudo se Ilumina também dele, mas confesso que comprei esse novo pelo título que achei genial e depois porque vi que ele era meio interativo com fotos. Adoro quando o Oskar diz que tem heavy boots (não sei como traduziram.)

Na minha cabeceira tem permanente The Complete Beatles Chronicle, adoro ver as fotos e ler sobre as músicas. Terminei ontem um chamado E nós chegamos o fim, o que esse tem de mais interessante é que é todo narrado na terceira pessoa, e é sobre uma agência de publicidade, eu daria um 7 para esse livro.
O próximo é Como Me Tornei Estúpido do Martin Page (já falei de outro livro dele aqui que tem um título ótimo: A gente se acostuma com o fim do mundo). E estou esperando chegar Infinite Jest do David F Wallace (que se matou uns meses atrás)- já tinham me indicado antes dele morrer.

Raul disse...

Resolvi (re)ler DOM CASMURRO, empolgado com as celebrações em torno de Machado de Assis. Resolvi fazer isso também pq quando li o livro, nos idos de 1995, eu li obrigado pela escola e, claro, odiei. Mas agora tem sido uma leitura das mais agradáveis. É impressionante a capacidade que Machado de Assis tem de detalhar cenários e personagens e de utilizar a linguagem a favor do leitor e nunca contra ele. Recomendo!

Ligia Helena disse...

Nossa Carlão, eu AMO o Jonathan Safran Foer, os dois livros dele, o livro da esposa dele (procura, chama A História do Amor, é lindo). O Extremamente Alto é meu preferido. Eu lia e chorava de soluçar. Amo! Tomara que você goste, depois me conta :)

Giovanna Cantarelli disse...

eu AMEI esse livro!

Carlos Alexandre Monteiro disse...

Matheus, deve ser bom mesmo...

Kaká, depois conta mais. Já vi que nossos gostos são parecidos!

Raul, muitos livros que a escola manda a gente ler passam batidos pelo nosso gosto pelo incômodo da obrigação e também pelo fato de simplesmente não estarmos maduros o suficiente para alguns textos...

Lija e Giovanna, já estou adorando... E bom vê-las por aqui! :)

Cadu disse...

hm, deve ser bom esse livro... mas umtimamente eu tenho lido um do Jo soares, Assassinatos na Academia Brasileira de Letras, e também - a desespero da minha mãe, tenho lido historias em quadrinhos, na - esmagadora - maioria de super-heróis, tipo batman, lanterna verde, vingadores e afins!

Anônimo disse...

Olá Carlos, no momento estou lendo Alta Fidelidade - Nick Hornby, será que sou a única que não assistiu ao filme ? Ontem chegou as minhas mãos Morto até o Anoitecer, estou viciada em True Blood, e não resisti, li o finalzinho, agora já sei quem mata, como odeio meu péssimo hábito, vc também tem dessas esquisitisses, porque eu sempre leio o final do livro, por mais que tente me segurar. Adoro seus blogs e podcasts !!
Bjos !!!

Related Posts with Thumbnails